NOTÍCIAS > IS Open - 5a edição
11 de
Out de
2015
Berlocq é campeão do IS Open e ergue 16o troféu ATP Challenger na carreira
Às 12h50
Foto: João Pires/ Fotojump

Berlocq torna-se recordista argentino de títulos em ATP Challenger

Experiência, técnica apurada e um histórico vencedor no circuito, Carlos Berlocq celebrou neste domingo a conquista do IS Open São Paulo, apresentado pela Vivo por meio da Lei Paulista de Incentivo ao Esporte. Em decisão, no Clube Paineiras do Morumby, contra Kimmer Coppejans, prevaleceu o jogo agressivo e com variação do tenista argentino na vitória por 6/3 6/1 sobre a jovem revelação belga que esteve longe de repetir o mesmo nível de tênis da semana. Com a conquista, Berlocq recebe US$ 7.200 (equivalente a R$ 27 mil) e soma 80 pontos no ranking, o que deve posicioná-lo a partir de segunda-feira entre os 130 melhores do mundo.

"Cheguei a São Paulo um pouco abalado pela derrota na semifinal em Porto Alegre/RS, mas sempre com os pés no chão e com vontade de vencer. Pouco a pouco fui jogando melhor dentro das condições do torneio. Sem dúvida a chave para o título foi a consistência e meu esforço em cada bola. Levantar o troféu é incrível!", vibrou Berlocq, que havia conquistado justamente no Brasil, em Porto Alegre-2014, seu último torneio na carreira.

IS TV no Youtube: Veja os melhores momentos da decisão ---> https://youtu.be/NpiyUkY5ufY

A vitória neste domingo na capital paulista, diante de grande público, premia Berlocq como o argentino que mais títulos venceu na história do circuito ATP Challenger. Agora são 16 troféus, desempatando com Maximo Gonzalez. De quebra, o tenista natural de Chascomus, torna-se o quarto maior da história em número de conquistas em competições da série Challenger, atrás apenas de Yen-Hsun Lu, de Taipei (21 títulos), Dudi Sela, de Israel (18), Go Soeda, do Japão (17).

"É um número muito importante, me ajuda muito para subir no ranking e cumprir o meu objetivo de retornar ao top 100. Se sigo ganhando torneios ATP Challenger, alcançarei minha meta e as marcas melhorarão. Quero seguir neste ritmo", conclui.

CAMPANHA - IS OPEN SÃO PAULO 2015
1a rodada: d. Michael Linzer (AUT) - 6/3 6/2
2a rodada: d. Guido Andreozzi (ARG) - 7/6 (4) 5/7 4-2 (abandono)
Quartas de final: d. Christian Lindell (SUE) - 7/5 6/4
Semifinal: d. Rogério Dutra Silva (BRA) - 6/3 6/4
Final: d. Kimmer Coppejans (BEL) - 6/3 6/1

O JOGO
"Acho que nós dois começamos o jogo muito nervosos, até o 3-3 a partida estava equilibrada, mas depois ele começou a jogar melhor, venceu seis games na sequência e eu passei a cometer muitos erros não forçados. Minha bola ficou curta, ele subiu o nível de jogo e sacou melhor do que eu", falou Coppejans, número 136 do mundo. O vice em São Paulo premia o belga com US$ 4.240 e 48 pontos no ranking; Coppejans deve aparecer na 117a posição a partir de segunda-feira, quando começará sua campanha no ATP Challenger de Corrientes, na Argentina.

FESTA ARGENTINA NO BRASIL
Dos três ATPs Challenger realizados em sequência no Brasil - Campinas/SP, Porto Alegre/RS e São Paulo/SP -, todos foram vencidos por jogadores argentinos. Facundo Arguello venceu no interior paulista, enquanto Guido Pella triunfou no sul. "Os garotos e aqueles não tão garotos, como eu, estão jogando bem e representando com vitórias o tênis argentino. Estamos vivendo um bom momento no tênis, tem sido feito um bom trabalho por todos, espero que essa geração cresça cada vez mais", avalia Berlocq.

-----

O IS Open São Paulo 2015 é apresentado pela Vivo, por meio da Lei Paulista de Incentivo ao Esporte, e tem o copatrocínio do Itaú, Comgás, Raízen, Aché, Estácio, Alupar, Taesa, Azul - Transportadora Oficial -, Stella Artois e Engemon. O torneio tem apoio do Clube Paineiras do Morumby e ATP Challenger Tour. A realização é do Instituto Sports.

IS OPEN SÃO PAULO 2015
ATP Challenger - US$ 50 mil
Período: de 03 a 11 de outubro de 2015
Local: Clube Paineiras do Morumby
Endereço: Avenida Doutor Alberto Penteado 605 - Morumbi - São Paulo - SP