NOTÍCIAS > Vivo Tennis Cup
13 de
Jan de
2016
Cadu Severino recebe convite e aposta em boa fase para surpreender no Rio
Às 14h10
Foto: João Pires/Fotojump

Carioca saltou mais de 350 posições em um ano.

O carioca Carlos Eduardo Severino encerrou 2015 como o melhor ano da sua carreira no tênis. Foram três títulos de Future no Brasil (Belém/PA, Porto Alegre/RS e São José do Rio Preto/SP), acompanhado pela primeira vitória em chave principal de ATP Challenger (Campinas/SP).

Essa evolução nos resultados permitiu que o tenista escalasse 372 posições no ranking mundial da ATP e fosse premiado nesta quarta-feira com wild card para a disputa da Vivo Tennis Cup, competição que integra a gira de torneios na América do Sul, que passa também por cidades na Argentina e Colômbia. Além de Severino, o carioca Wilson Leite e o pernambucano Thiago Monteiro também foram premiados pela organização com wild card.

"Excelente essa inclusão de um Challenger no Rio, na cidade onde nasci e disputado no Marapendi, clube onde treino. As condições estão perfeitas para eu desempenhar o meu melhor em quadra", disse Severino, que demonstra confiança para fazer uma boa campanha no saibro carioca. "Nesse momento, em função dos últimos resultados, estou acreditando muito mais no meu tênis, consigo treinar com mais foco e vejo que sou capaz de ir até além do nível Challenger", projetou.

<b>A virada</b>
O ATP Challenger do Rio de Janeiro será a primeira competição de Severino, atual número 343, na temporada 2016. O tenista, de 25 anos, revela como aconteceu sua melhora no circuito e o motivo que o impedia de evoluir os próprios resultados.

"Eu não acreditava que poderia ir mais longe, não me via conquistando títulos, tinha dúvidas na cabeça. Mas, conversando com o meu treinador, vi que a questão era melhorar a parte psicológica, a confiança. Depois do meu primeiro título, tudo mudou. Eu consegui me acalmar e jogar melhor", disse Severino, treinado por Ricardo Acioly, ex-capitão do Brasil na Copa Davis.

A Vivo Tennis Cup apresentará em quadra - com entrada gratuita para o público - oito tenistas brasileiros, um time liderado por Rogério Dutra Silva e João Souza, o Feijão, segundo e terceiro tenistas brasileiros mais bem ranqueados na ATP. Ainda nesta semana será anunciado o último wild card para a chave principal.

<b>Entrada gratuita & Rodada Noturna</b>
O público carioca que gosta de tênis poderá acompanhar gratuitamente todos os jogos no Clube Marapendi. Neste sábado (16/1) e domingo (17) acontecem os jogos do qualifying. A chave principal terá entre segunda e quinta-feira dois jogos pela rodada noturna, com a primeira partida começando a partir das 18h e o último confronto do dia agendado para as 19h. A decisão do ATP Challenger do Rio, no domingo (24/1) terá transmissão ao vivo do SporTV 3.


---

A Vivo Tennis Cup é patrocinada pela Vivo Através da Lei de Incentivo ao Esporte do Governo do Estado do Rio de Janeiro, por meio da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude e tem o copatrocínio da Estácio, Stella Artois, Furnas e AON. O torneio tem apoio de SporTV, Hotel Transamérica Prime Barra, Clube Marapendi e ATP Challenger Tour. A realização é do Instituto Sports.

<b>VIVO TENNIS CUP</b>
ATP Challenger - US$ 50 mil em premiação
Período: de 16 a 24 de janeiro de 2016
Local: Clube Marapendi
Endereço: Avenida das Américas, 3979 - Barra da Tijuca - Rio de Janeiro/RJ
Entrada Gratuita