NOTÍCIAS > São Paulo Challenger de Tênis 2017
05 de
Out de
2017
Ghem vence e garante mais um brasileiro nas quartas
Às 15h29
Foto: João Pires/Fotojump

Ghem elimina Casanova


Um dia de sol e calor em Campinas atraiu bom público para a rodada que define os últimos quadrifinalistas do São Paulo Challenger de Tênis apresentado pelo Aché por meio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte do Ministério do Esporte. José Pereira(BRA), Michael Linzer(AUT), AndreaCollarini(ARG) e Gonçalo Oliveira(POR) se classificaram ontem.

O gaúcho André Ghem abriu a programação da quinta-feira em partida ao meio dia contra o argentino Hernan Casanova. O primeiro set teve alguma dificuldade para Ghem, que ainda está adaptando às condições de jogo em Campinas e à nova raquete. Mas foi só. No segundo ele se impôs e eliminou o argentino em menos de uma hora e meia com o placar de 7/6(2) 6/2.

Vice-campeão em 2014, e atual 479 na ATP, Ghem está longe de seu melhor ranking- 118 em 2015- mas se sente bem em Campinas e espera melhorar as condições de jogo a cada rodada.

“Está quente e a bola anda muito, “quica” muito, condições diferentes de onde estava treinando, em Porto Alegre, que é bem mais lento. A raquete também me surpreende algumas vezes durante o jogo, preciso domá-la melhor. Ainda bem que eu sei o caminho aqui em Campinas”, brincou. Ghem agora enfrenta o português Gastão Elias que superou outro tenista do Rio Grande do Sul,, Guilherme Clezar, também em dois sets, parciais de 6/4 7/6(2).

Orlandinho avança nas duplas e, ao lado de Romboli, alcança a semifinal

A dupla Orlando Luz e Fernando Romboli já está na semifinal do torneio com premiação de US% 50 mil e com final programada para este domingo, na Sociedade Hípica de Campinas. Eles venceram de virada o austríaco Michael Linzer e o português Gonçalo Oliveira por 4/6 6/3 10/8. Luz e Romboli jogaram juntos em 2014, em São Paulo, quando o jovem de 19 conquistou o primeiro título profissional da carreira. A semifinal será contra os cabeças de chave 2, Máximo Gonzalez(ARG) e Fabrício Neis(BRA).

Semifinais de simples serão definidas nesta sexta-feira

A sexta-feira definirá os semifinalistas de simples e os finalistas de duplas do São Paulo Challenger de Tênis. Pelo menos dois brasileiros buscam a vaga entre os quatro melhores da semana. José Pereira e André Ghem. Pereira joga às 12h30 contra o português Gonçalo Oliveira. Ghem entra na sequência contra Gastão Elias.

A rodada noturna terá os vencedores dos jogos entre os argentinos Renzo Olivo e Facundo Mena (em andamento) e entre o brasileiro João Souza e o espanhol Munoz de La Nava (rodada noturna de hoje).

Resultados:
André Ghem(BRA) d. Hernan Casanova(ARG)7/6(2) 6/2
Gastão Elias(POR) d. Guilherme Clezar(BRA) 6/4 7/6(2)
Orlando Luz/Fernando Romboli(BRA/BRA) d. Michael Linzer(AUT)/Gonçalo Oliveira(POR) 4/6 6/3 10/8
Maximo Gonzalez/Fabrício Neis(ARG/BRA) d. Hernan Casanova/Daniel Silva(ARG/BRA) 6/2 6/3
São Paulo Challenger de Tênis
30/9 a 01/10 de outubro- Qualifying
02 a 08/10 de outubro - Chave Principal
Premiação: US$ 50 mil
Sociedade Hípica de Campinas
Rua Buruti s/n (Estrada de Souzas ) - Bairro das Palmeiras - Campinas/ SP - Brasil
Sobre o Aché Laboratórios
O Aché é uma empresa 100% brasileira com mais de 50 anos de atuação no mercado farmacêutico que tem como propósito levar mais vida às pessoas onde quer que elas estejam. Conta com três complexos industriais: em Guarulhos (SP), São Paulo (SP) e Londrina (PR) e participação na Melcon do Brasil, no Laboratório Tiaraju e na Bionovis, joint-venture brasileira dedicada à pesquisa e desenvolvimento de medicamentos biotecnológicos. Emprega 4.600 colaboradores e possui uma das maiores forças de geração de demanda e de vendas do setor farmacêutico no Brasil. Para atender às necessidades dos profissionais da saúde e consumidores, o Aché oferece um portfólio com 326 marcas em 804 apresentações de medicamentos sob prescrição, genéricos e MIP (isentos de prescrição), além de atuar nos segmentos de dermocosméticos, nutracêuticos, probióticos e biológicos. Ao todo, são 142 classes terapêuticas e 25 especialidades médicas atendidas. Com a internacionalização, a empresa fechou acordo de exportação para 20 países das Américas, África e Ásia.

Em 2017, 2016 e 2015, o Aché ficou em 1º lugar na categoria Farmacêuticas e Ciências da Vida do prêmio Inovação Brasil do jornal Valor Econômico, em parceria com a consultoria Strategy&. Em 2017, pela 1ª vez, ficou entre as 10 empresas mais inovadoras do Brasil. Também em 2017, ficou em 1º lugar na categoria Farmacêutica no prêmio Época Negócios 360º – As Melhores Empresas do Brasil. Conquistou o 1º lugar na categoria Indústria Farmacêutica na 14ª edição do estudo Empresas que Mais Respeitam o Consumidor. Em 2017, 2016 e 2015, conquistou a 1ª colocação do setor no Prêmio Empresas Mais, pelo jornal O Estado de S. Paulo e pela Fundação Instituto de Administração (FIA), ligada à Universidade de São Paulo.

O São Paulo Challenger de Tênis é apresentado pelo Aché por meio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte do Ministério do Esporte, com o copatrocínio de Motorola, AccorHotels, Raizen, Azul – Transportadora Oficial, Public Broker, April, Alupar, Taesa, Hospital Vera Cruz, Frooty Açaí, Stella Artois e FlexForm – e apoio de EPTV, SporTV, Correio Popular, Radio Central, Nova FM, Sociedade Hípica de Campinas e ATP Challenger Tour. A realização é do Instituto Sports.