NOTÍCIAS > São Paulo Challenger de Tênis 2017
06 de
Out de
2017
Duelo argentino na segunda semifinal do São Paulo Challenger de Tênis
Às 20h05
Foto: João Pires/Fotojump

Andrea Collarini joga por vaga na decisão
Depois de surpreender Federico Delbonis, principal favorito do São Paulo Challenger de Tênis na estreia, o argentino Andrea Collarini manteve o ritmo e venceu hoje o austríaco Michael Linzer por 5/7 7/6(4) 3x0 e desistência(sentiu as costas) para garantir vaga na semifinal do torneio apresentado pelo Aché por meio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte, do Ministério do Esporte. Seu melhor resultado até agora foi a final de um challenger em Salinas, no Equador. A carreira do jogador foi interrompida logo depois por uma cirurgia, e seu melhor ranking, 186o em 2014 está bem longe do atual 266o.

Vice-campeão juvenil de Roland Garros em 2010, Collarini decidiu mudar tudo na temporada 2017. Trocou de técnico, decidiu viajar sozinho com ele e bancar todas as suas despesas- um processo de amadurecimento- disse. A mudança deu certo. Conquistou cinco títulos Futures além de três vices.

“Depois do US Open decidi parar para treinar cinco semanas, não para descansar, mas para melhorar muitas coisas. E cheguei aqui e venci um grande jogo, o Delbonis é um jogador que está na história de nosso país, e esse é um fato que me empurra a estar cada dia mais motivado, mas tenho que jogar bem, porque se cai muito rápido também”.

A semifinal contra Renzo Olivo, que ganhou do espanhol Daniel Munoz De La Nava por duplo 6/4 veio bem de encontro à vontade de Collarini.

“Nos conhecemos desde pequenos e a última vitória foi dele. Espero poder ganhar aqui”. “Vai ser um duelo de compatriotas, temos a mesma idade, jogamos várias vezes, gosto da ideia de enfrenta-lo e espero ganhar” respondeu rápido Renzo Olivo, cabeça 4 do torneio e 135 da ATP.

Final de Duplas

José Pereira, ao lado do português Gastão Elias vai decidir o título de duplas do Challenger de Campinas. Depois de vencerem Federico Coria e Tomas Puches por 2/6 6/3 11/9, enfrentam a parceria cabeça dois, formada pelo brasileiro Fabrício Neis e o argentino Maximo Gonzalez.

Programação de sábado, 07 de outubro

13h30
Quadra central João Lima
Gonçalo Oliveira(POR) x Gastão Elias(POR)
A seguir
Andrea Collarini(ARG) x Renzo Olivo(ARG)
A seguir
Final de duplas
Gastão Elias/Jose Pereira(POR/BRA) x Maximo Gonzalez/Fabrício Neis(ARG/BRA)

Transmissão SporTV na final de domingo

O SporTV 3 transmite a final de simples neste domingo, a partir das 11 horas, direto da Sociedade Hípica de Campinas.

Todas as partidas do ATP Challenger serão transmitidas pelo Live Scores da ATP (www.atpworldtour.com) ; o site official é www.institutosports.com.br e as finais da chave principal serão transmitidas pelo SporTv 3. O Challenger de Campinas também está nas redes sociais. Siga-nos no facebook (facebook.com/institutosports), no Twitter (@institutosports), no Instagram (@institutosports)

São Paulo Challenger de Tênis
30/9 a 01/10 de outubro- Qualifying
02 a 08/10 de outubro - Chave Principal
Premiação: US$ 50 mil
Sociedade Hípica de Campinas
Rua Buruti s/n (Estrada de Souzas ) - Bairro das Palmeiras - Campinas/ SP - Brasil


Sobre o Aché Laboratórios

O Aché é uma empresa 100% brasileira com mais de 50 anos de atuação no mercado farmacêutico que tem como propósito levar mais vida às pessoas onde quer que elas estejam. Conta com três complexos industriais: em Guarulhos (SP), São Paulo (SP) e Londrina (PR) e participação na Melcon do Brasil, no Laboratório Tiaraju e na Bionovis, joint-venture brasileira dedicada à pesquisa e desenvolvimento de medicamentos biotecnológicos. Emprega 4.600 colaboradores e possui uma das maiores forças de geração de demanda e de vendas do setor farmacêutico no Brasil. Para atender às necessidades dos profissionais da saúde e consumidores, o Aché oferece um portfólio com 326 marcas em 804 apresentações de medicamentos sob prescrição, genéricos e MIP (isentos de prescrição), além de atuar nos segmentos de dermocosméticos, nutracêuticos, probióticos e biológicos. Ao todo, são 142 classes terapêuticas e 25 especialidades médicas atendidas. Com a internacionalização, a empresa fechou acordo de exportação para 20 países das Américas, África e Ásia.

Em 2017, 2016 e 2015, o Aché ficou em 1º lugar na categoria Farmacêuticas e Ciências da Vida do prêmio Inovação Brasil do jornal Valor Econômico, em parceria com a consultoria Strategy&. Em 2017, pela 1ª vez, ficou entre as 10 empresas mais inovadoras do Brasil. Também em 2017, ficou em 1º lugar na categoria Farmacêutica no prêmio Época Negócios 360º – As Melhores Empresas do Brasil. Conquistou o 1º lugar na categoria Indústria Farmacêutica na 14ª edição do estudo Empresas que Mais Respeitam o Consumidor. Em 2017, 2016 e 2015, conquistou a 1ª colocação do setor no Prêmio Empresas Mais, pelo jornal O Estado de S. Paulo e pela Fundação Instituto de Administração (FIA), ligada à Universidade de São Paulo.

O São Paulo Challenger de Tênis é apresentado pelo Aché por meio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte do Ministério do Esporte, com o copatrocínio de Motorola, AccorHotels, Raizen, Azul – Transportadora Oficial, Public Broker, April, Alupar, Taesa, Hospital Vera Cruz, Frooty Açaí, Stella Artois e FlexForm – e apoio de EPTV, SporTV, Correio Popular, Radio Central, Nova FM, Sociedade Hípica de Campinas e ATP Challenger Tour. A realização é do Instituto Sports.