NOTÍCIAS > Geral
25 de
Nov de
2017
Zé Pereira desafia português na final do IS Open São Paulo
Às 15h41
Foto: Nelson Toledo/ Fotojump

Zé Pereira busca 11o título de Future e primeiro da temporada

O pernambucano José Pereira e o português Bernardo Saraiva decidem neste domingo, às 11h30, o título do IS Open São Paulo, torneio ITF Future com US$ 15 mil em prêmios.  Pereira busca seu 11º troféu de Future e Saraiva tenta conquistar um título inédito. O campeão da competição vai somar 18 pontos no ranking mundial e receber mais US$ 2160; o vice-campeão ficará com US$ 1272 e 10 pontos na ATP. O evento tem entrada gratuita no Clube Paineiras do Morumby.

Cabeça de chave 6, Zé Pereira derrotou neste sábado o amigo e parceiro de duplas, Alexandre Tsuchiya por 7/5 6/4. “A vitória de ontem (contra Daniel Dutra da Silva) me deu confiança no jogo de hoje. Não estava tão bem fisicamente, mas entrei focado para vencer. Amanhã é final e final se ganha, não se joga. Quero dar o melhor para sair vencedor”, comenta Pereira. Ele disputa sua 26ª decisão da carreira e primeira da temporada, marcada por sua volta ao circuito. O pernambucano de 26 anos passou por uma cirurgia no ombro há mais de um ano e voltou a competir somente em julho de 2017.

Na primeira semifinal da rodada, Bernardo Saraiva, cabeça 5, usou a experiência para vencer o pernambucano João Lucas Reis, de 17 anos, com parciais de 6/1 6/0 e alcançar a segunda decisão da carreira. “Pensei apenas no ponto a ponto, joguei com bolas profundas e comecei a ganhar confiança ao longo da partida. Estou me sentindo confiante para a final de amanhã”, conta o português, graduado em International Business na Universidade de São Francisco, nos EUA. “Foi muito bom ter me formado antes de jogar o circuito profissional, recomendo a todos os tenistas. Agora jogo com menos pressão. Também evolui bastante no circuito universitário, que é muito competitivo”, analisa o jogador de 24 anos.

Reis termina a sequência de Futures de Santos e São Paulo com sete pontos, garantindo um ranking próximo do 1050º e uma semana surpreendente no Clube Paineiras do Morumby, com sua primeira semifinal de torneio profissional. “Consegui jogar meu melhor tênis na maior parte do torneio. Hoje foi uma pena, não consegui lidar bem com a situação mentalmente. Mas também o mérito foi do meu adversário que não errou nenhuma bola. Agora entro em férias e começo o próximo ano no Australian Open juvenil. Ano que vem vou mesclar os torneios juvenis e profissionais já que vou ter um ranking que vai me ajudar a entrar nos torneios”, analisa Reis, atleta do Instituto Tênis.

 

Dia Aché

Além das partidas do torneio profissional do IS Open São Paulo, aconteceu um torneio de duplas amador para convidados dos Laboratórios Aché e também a clínica Accor Hotels, com o ex-jogador profissional Givaldo Barbosa.

 

---

 

IS Open São Paulo - Entrada Gratuita

Datas: 18 a 26 de novembro

Premiação: US$ 15 mil

Sede: Clube Paineiras do Morumby

Endereço: Av. Dr. Alberto Penteado, 605

 

---

 Baixe todas as fotos do IS Open São Paulo em nossa página oficial no Flickr: https://www.flickr.com/photos/institutosports

---

O IS Open São Paulo é realizado por meio da Lei Paulista de Incentivo do Governo do Estado de São Paulo, e tem o copatrocínio de Aché Laboratórios, AccorHotels, Motorola, Vivo, April, Alupar, Taesa, Azul – Transportadora Oficial -, Estácio, Raízen, Comgás, Frooty, Monte Azul, Trajeto, Stella Artois, FlexForm, Rodobens, FaberCastel – e apoio da ITF, Clube Paineiras do Morumby e CBT/Correios. A realização é do Instituto Sports.